25.10 – DIA DA CONSTRUÇÃO CIVIL

Publicado em: 25 de outubro de 2012

Em 25 de outubro de 2000, há 12 anos, o Papa João Paulo II oficializava o frei Antonio de Sant’Anna Galvão como o patrono da construção civil. Sete anos depois, o frei, que iniciou sua vida profissional como assistente de pedreiro e chegou a mestre de obras, foi canonizado, em São Paulo em 2007, pelo Papa Bento XVI, tornando o São Frei Galvão o primeiro e, até agora, único santo brasileiro.
O Mosteiro da Luz, na cidade de São Paulo, onde o frei está sepultado desde 23 de dezembro de 1822, data de sua morte, foi construído e fundado por ele. Considerado pela Prefeitura de São Paulo a mais importante construção arquitetônica colonial do século XVIII da cidade – a construção foi finalizada em 1774 –, o mosteiro é Patrimônio Cultural da Humanidade, título concedido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). O Museu de Arte Sacra de São Paulo fica localizado no mosteiro. Entre suas realizações, Frei Galvão traçou o desenho da fachada da igreja do Mosteiro da Luz.
Em 2007, o plenário do Confea referendou um ato normativo expedido pelo Crea-SP que declarou o dia 25 de outubro como o Dia dos Profissionais da Construção Civil. O mesmo documento registrou o Frei Galvão como um “ilustre representante das terras bandeirantes numa época em que a tecnologia ainda engatinhava”. Em 25 de outubro de 2008, o Crea-SP entregou ao Memorial Frei Galvão, localizado no Mosteiro da Luz, um diploma com o título Honoris Causa, em reconhecimento ao seu exemplo entre os profissionais da área tecnológica.

EM: 25.10.2012
POR: EQUIPE DE COMUNICAÇÃO DO CONFEA