Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

CONSELHO VISTORIA PONTES DE SÃO LUÍS

Na manhã de ontem, 27, uma ação conjunta entre o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia Maranhão (Crea-MA) e a Defesa Civil Estadual, com o apoio do Corpo de Bombeiros, resultou em  vistoria nas pontes Ferreira Gullar (entre o São Francisco e Jaracati), Newton Bello (Ponte do Caratatiua), José Sarney e Bandeira Tribuzzi .

A vistoria foi provocada por meio de solicitação do Ministério Público e tem como finalidade a elaboração de laudo técnico acerca das condições estruturais das pontes. “Nosso objetivo é garantir a segurança e a integridade física das pessoas que transitam nas pontes. O Conselho encaminhará ao solicitante o laudo completo para as devidas providências”, explicou o assessor técnico do CREA-MA, o engenheiro civil Antônio Xavier.

Com maiores problemas estruturais, a situação da ponte Ferreira Gullar foi considerada como preocupante pelos engenheiros responsáveis pela vistoria.  “Em geral, os problemas são facilmente detectados. Além das irregularidades na pavimentação asfáltica e da passarela para pedestres com peças pré-moldadas e guarda-corpos quebrados, é possível observar algumas rachaduras nos pilares, corrosão no concreto, ferragens à mostra e oxidação”, avaliou o engenheiro.

Já na estrutura da ponte do Caratatiua, que liga os bairros do Ipase e Alemanha, os engenheiros apontaram como principais problemas as ferragens expostas e guarda-corpo precisando de reparos. Na ponte José Sarney, a que apresenta menores problemas, foram detectadas estalactites e infiltrações. De acordo com os técnicos, os problemas são praticamente os mesmos em todas as pontes e têm a mesma causa: falta de manutenção. “Qualquer obra ou estrutura deve passar por serviços de conservação periodicamente ou então expõe a sociedade ao risco de algum sinistro”, alertou Xavier.

FPI – A vistoria nas pontes de São Luís  teve caráter preventivo e fez parte do programa de Fiscalização Preventiva Integrada – FPI, criado e coordenado pelo Crea-MA que funciona sempre em parceria com outros órgãos. O principal objetivo da FPI é salvaguardar a população de situações de risco.

Por isso, apesar das fiscalizações serem educativas e preventivas, o não atendimento às exigências, quanto à correção dos problemas detectados por ocasião das inspeções, pode implicar na emissão de autos de infração, na interdição parcial, ou nos casos mais graves, até na solicitação de interdição total do espaço e equipamentos, através de medidas judiciais, conforme legislação específica de cada órgão.

Desde que foi instalada no Crea-MA a FPI já vistoriou supermercados, igrejas, escolas públicas e privadas, hospitais e clinicas, boates e restaurantes, estádios e ginásios, embarcações marítimas, eventos de grande porte, entre outros espaços de grande aglomeração de pessoas, etc.

Abril Verde 2024: campanha pela Vida e Segurança no Trabalho

O mês de abril é marcado pelo movimento Abril Verde, uma iniciativa que busca promover a conscientização sobre a importância…

Grupo de Trabalho (GT) realiza reunião com Serviço Móvel Pessoal (SMP) do CREA-MA para debates da implantação da tecnologia 5G no Brasil

Após a aprovação da prorrogação do Grupo de Trabalho Serviço Móvel Pessoal (SMP) até outubro deste ano, decidida na 2ª…

Janeiro Branco: Crea Maranhão promove palestra sobre saúde mental

Publicado: 31/01/2024 08:34 - Fonte: Na última quarta-feira, 24, o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Maranhão (Crea-MA) promoveu…

Posse da nova diretoria e conselho marca a 1ª Plenária do Crea Maranhão em 2024

Publicado: 22/01/2024 11:12 - Fonte: Assessoria de Comunicação do CREA-MA Na noite da última terça-feira, 16, ocorreu a primeira Reunião…
Pular para o conteúdo