Todos pelo CreaMA: conheça a trajetória do presidente Luis Plécio

 

A partir de hoje, no quadro #todospeloCreaMaranhao, criado para as redes sociais, vamos apresentar os membros da atual diretoria do Crea-MA. Começamos pelo presidente Luis Plécio.

Empresário da construção civil, Luis Plécio já tinha experiência como servidor do Crea-MA antes de vencer a eleição para a presidência em 2020. Durante cinco anos, ele atuou como Chefe de Gabinete e Assessor

Técnico e obteve conhecimento profundo das resoluções que regem o sistema CONFEA/CREA. “Eu gosto muito do Crea”, diz.

Com a experiência que obteve com os problemas de ordem técnica, administrativa e burocrática que travavam os interesses de empresas e profissionais, ele definiu como uma das prioridades o atendimento ao profissional. Tanto que no primeiro mês de sua gestão, foi registrada alta de 11,7% na emissão de Anotação de Responsabilidade Técnica (ART) e 42,4% de Certidão de Acervo Técnico (CAT), no comparativo com janeiro de 2020. Isso foi possível porque ele implantou assessores técnicos especializados para acelerar os processos.

A outra prioridade é a nova sede do Crea-MA, prometida pelas gestões anteriores, sem sucesso. O edital foi publicado neste mês para contratação de empresas para os projetos de Engenharia e Arquitetura. A licitação deve ocorrer no dia 16 de abril.

O foco do Crea-MA está na valorização do profissional, seja por meio da fiscalização, do atendimento ou da conscientização sobre a importância da Engenharia e da Agronomia na vida das pessoas e no meio ambiente. “A finalidade do Conselho é proteger a sociedade. E nós defenderemos isso todos os dias”, assegura o presidente.

Novo decreto do Governo do MA suspende atividades até 28.03

De acordo com o decreto do Governo do Maranhão (nº 36.601, de 19 de março de 2021) que prorrogou a suspensão das atividades presenciais consideradas não essenciais até o dia 28 de março, o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Maranhão (Crea-MA) prorroga o trabalho remoto até dia 28, com atendimento via WhatsApp, das 8h às 14h, pelos telefones (98) 2106-8321 e 2106-8322.

Abaixo, o resumo das medidas restritivas anunciadas pelo governador Flávio Dino na coletiva de Imprensa na última sexta,19 de março:

• Aquisição de 4,582 milhões de doses de vacina Sputnik V.

• Regime vigente prorrogado até 28/03.

• Todo o Maranhão: antecipação do feriado de de 28/07 para 26/03.

• Todo o Maranhão: suspensão de atividades não-essenciais nos dias 27 e 28/03.

• Todo o Maranhão: suspensão das cirurgias eletivas na rede privada a partir de segunda-feira (22).

• Somente Ilha de São Luís: Bares e restaurantes continuam sem funcionar

• Somente Ilha de São Luís: Construção Civil das 7h às 16h.

• Somente Ilha de São Luís: Academias com capacidade de 50%.

• Somente Ilha de São Luís: Supermercados com capacidade de 50%, com uma pessoa por família.

 

Clique aqui para acessar a Portaria do Crea-MA.

NOVA SEDE: Crea-MA abre edital para projetos de Arquitetura e Engenharia

Enfim, será concretizado o sonho dos profissionais do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Maranhão (Crea-MA) de terem uma sede com infraestrutura de acordo com as necessidades de todas as áreas.

Está disponível o edital de licitação para contratação de empresa especializada para a elaboração de Projetos Executivos de Arquitetura e Engenharia para a construção da sede do Crea-MA, em São Luís, nos termos e condições constantes do Edital e seus Anexos.

PROJETOS NECESSÁRIOS
Arquitetônico
Estrutura de concreto armado
Instalações Elétricas Prediais de média e/ou alta tensão
Climatização
Hidrossanitário
Prevenção e Combate a Incêndio

A licitação ocorrerá por meio da Comissão Permanente de Licitação, designada pela Portaria nº 18/2021/PRESI de 12 de janeiro de 2021, às 9h30 do dia 16 de abril de 2021, no Plenário do CREA/MA, à rua 28 de Julho, nº 214, Centro, licitação na modalidade CONCORRÊNCIA, do tipo menor preço, sob a forma de execução indireta, no regime de empreitada por preço global.

Clique aqui para acessar o Edital e seus Anexos, que também estão à disposição das interessadas na Comissão Permanente de Licitação – CPL, na sede do Crea-MA.

Mais informações por meio dos telefones: (98) 2106-8307 e/ou e-mail cpl-crea@creama.org.br, em dias úteis compreendidos de 2ª a 6ª feira, no horário das 8h às 14h.

Operações Risco Zero e Broadcast em condomínios e emissoras de Rádio e TV

A Câmara Especializada de Engenharia Elétrica do CREA-MA obteve aprovação, por unanimidade, dos conselheiros para a realização das operações “Risco Zero”, referente à operação em unidades condominiais, e “Broadcast”, que trata da fiscalização das emissoras de rádio e TV.

A Câmara é a responsável pelo planejamento das operações de fiscalização para avaliar se estão sendo cumpridas as exigências das Normas que protegem a vida das pessoas e evita sinistros nas instalações  elétricas.

Serão enviados ofícios orientativos para a Universidade Federal do Maranhão, Tribunal de Justiça, Ministério Público do Trabalho e as Secretarias Estaduais do Governo (SEGOV) e Adjunta da Tecnologia da Informação (SEATI)  e a Secretaria Municipal de Informação e Tecnologia (SEMIT).

A fiscalização será realizada, por exemplo, sobre o cumprimento da NR10- Norma Regulamentadora emitida pelo Ministério do Trabalho que tem por objetivo garantir a segurança e a saúde dos trabalhadores que interagem nas instalações e serviços com eletricidade. A NR10 obriga que o prontuário elétrico seja mantido nas instalações com carga superior a 75 kW com todas as manutenções elétricas registradas.

Já a NBR 5410 determina que sejam feitas manutenções periódicas das instalações, e a NBR 5419 determina a manutenção anual para PDA (proteção contra descargas atmosféricas).

“`Pela grande quantidade de acidentes, principalmente incêndios de origem elétrica, é necessária a realização de operações de fiscalização preventivas nos condomínios residenciais e comerciais , e esse é o principal objetivo da operação”,  informou o coordenador da Câmara de Elétrica, eng. eletric. Rogério Moreira Lima. Também vamos verificar se os engenheiros estão efetivamente acompanhando e desenvolvendo as atividades para combater o acobertamento”, completou.

BLECAUTE– Na última reunião da Câmara, dia 23 de fevereiro, também foi aprovado por unanimidade o pedido de diligências para produção de relatório da Superintendência de Fiscalização do Crea-MA referente ao blecaute de energia na região metropolitana de São Luís ocorrido em 08 de janeiro.

Será apurado se houve alguma infração à legislação profissional que envolve o Grupo Engenharia Modalidade Eletricista

Caso empresas ou profissionais de engenharia estejam envolvidos, foram orientados  diligências pela assessoria técnica da CEEE/CREA-MA para produção de relatório de inspeção para apurar se existem indícios de negligência, imprudência, ou imperícia grave conforme determina Resolução nº 1090/2017-CONFEA e Ofício ao Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) com pedido de informações referentes ao blecaute.

O ONS é o órgão responsável pela coordenação e controle da operação das instalações de geração e transmissão de energia elétrica no Sistema Interligado Nacional (SIN) e pelo planejamento da operação dos sistemas isolados do país, sob a fiscalização e regulação da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Crea-MA segue decreto estadual e prorroga suspensão de atendimento presencial

De acordo com o decreto do Governo do Maranhão (nº 36.582, de 12 de março de 2021) que prorrogou a suspensão das atividades presenciais consideradas não essenciais até o dia 21 de março, o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Maranhão (Crea-MA) prorroga o trabalho remoto até dia 21, com atendimento via WhatsApp, das 8h às 14h, pelos telefones (98) 2106-8321 e 2106-8322.

Seguem suspensos no Estado o atendimento presencial em órgãos públicos e aulas presenciais. O comércio continua com restrição e as igrejas só podem funcionar com o limite de 30% da capacidade.

Nessa sexta-feira (12), o governador Flávio Dino determinou a suspensão do funcionamento de bares e restaurantes, entre os dias 15 e 21 de março, nos quatro municípios da ilha de São Luís.

Clique aqui para acessar a Portaria do Crea-MA.

 

 

Histórias no Crea-MA: primeira carteira de engenheiro, aos 84 anos

 O que você imagina que estará fazendo aos 84 anos?

Estará aposentado, com a sensação de dever cumprido, sem perspectivas de novos projetos?

Pois, mire-se no exemplo do agrônomo baiano Zilto Oliveira.

Aos 84 anos de idade, ele recebeu, na última sexta, 5, das mãos do presidente do Crea-MA, eng. civ. Luis Plécio, sua primeira carteira profissional como engenheiro agrônomo. Em 2019, ele formou-se pela Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) e deu entrada no registro no dia 12 de fevereiro deste ano.

“Não existe momento certo para realizar sonhos. O que existe é determinação, força de vontade”, justificou Zilto ao dar entrada no pedido da carteira no Crea-MA e ser recebido pelo superintendente, eng. amb. Sérgio Silva. É um grande exemplo para todos nós”, disse o superintendente.

Zilto é o mais velho dos cinco irmãos, criados pela mãe que conseguiu educá-los sozinha no interior da Bahia. Começou a trabalhar aos 12 anos, na roça, carregando água. Aos 18, conseguiu o primeiro emprego como ajudante de sapateiro. Tinha que andar três quilômetros de sua casa ao trabalho. Chegava à noite em casa e tinha que continuar trabalhando: precisava pescar para alimentar a família.

Não sabia qual seria seu caminho, sonhava em ser médico ou entrar para a Aeronáutica ou Marinha. Mas ficava no sonho, pois precisava ajudar sua mãe a cuidar dos irmãos.

Com a facilidade de conversar com os clientes, conseguiu bolsa de estudos e concluiu o ginásio (hoje Ensino Fundamental) na Escola Técnica. Tempos depois, montou sua oficina de consertos de sapatos, até resolver dar asas pro sonho de ser médico, contra a vontade de sua mãe. Foi para a capital, Salvador, concluir os estudos. Desempregado, passou apertos, e voltou a consertar sapatos, que era o que sabia fazer. “Eu tinha um diferencial, pois sempre fui muito detalhista, e os clientes gostavam disso”, lembra ele.

As coisas começaram a mudar quando ele conseguiu seu primeiro emprego de carteira assinada. Com fome de aprendiz, ele conta que se oferecia para atuar em todas as áreas da empresa. Destacou-se e recebeu convite para mudar-se para São Paulo, onde concluiu seus estudos e começou a trabalhar numa construtora e depois numa Fundação de comércio exterior, na área de eletrotécnica. Aprendeu inglês na prática, lendo manuais de peças para TV´s. Ficou por 14 anos. Tenho muita gratidão por este chefe, que foi um irmão mais velho para mim”, emociona-se ao lembrar.

Em São Paulo, conheceu Maria Carvalho, com quem está casado há 30 anos. Ela foi receber a carteira com ele.  “Minha companheira de vida”, diz o marido orgulhoso. A família dela é do Maranhão, e, em 1990, decidiram morar em São Luís. Montaram uma empresa de confecção de roupas e Zilto voltou a estudar.

Concluiu o Ensino Médio, entrou no cursinho e fez vestibular para Medicina na Universidade Federal do Maranhão. Não foi aprovado. Continuou a estudar e tentou o segundo curso pelo qual tinha admiração – Agronomia. “Existem semelhanças entre o médico e o agrônomo. Com a diferença que o paciente pode falar quando sente dor, enquanto a planta só apresenta os sintomas, e, para entendê-los, é preciso estudar muito”.

Eis que, em 2010, aos 73 anos de idade, Zilto realizou o sonho de ver seu nome como aprovado pela Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) para o curso de Agronomia. E em 2019, recebeu seu diploma. A mãe faleceu antes de ver o filho formado, mas ele diz que tem a certeza de que “ela está feliz por ver aonde ele chegou”. Os demais irmãos continuam na Bahia.

Com seu diploma expedido pela UEMA

Ao receber sua carteira e tirar foto com o presidente Luis Plécio, ele dirigiu-se à esposa e disse: “Ela faz parte desta história”. E tem definido seu plano para o futuro: “Vou aplicar o que aprendi no curso para ajudar pessoas humildes a cultivarem sua plantação”. Outro projeto dele é lançar seu primeiro livro de poesias e contos sobre a natureza, intitulado Prelúdio de um pensador. “Quero lançar no Instituto Ayrton Senna, em São Paulo”, almeja.

O Crea-MA agradece por fazer parte desta história de vida que ainda terá muitos capítulos.

 

Conheça histórias de mulheres que colaboram no Crea-MA

 

ART: Crea-MA implantará nova Tabela TOS até 5 de abril

 O Crea-MA implantará até 5 de abril a nova Tabela de Obras e Serviços Nacional (TOS-nacional) para elaboração de Anotação de Responsabilidade Técnica (ART).

A tabela foi desenvolvida pelo Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), aprovada pela PL 0430/2018 e atualizada pela decisão plenária 1853. O objetivo é unificar o registro de ARTs.

O prazo para cumprimento da decisão do Confea expirou em março de 2019. Desta forma, o Crea-MA vem descumprindo esta decisão do Confea e a orientação do presidente da atual gestão, Luis Plécio, é que a nova TOS seja implantada, no máximo, na primeira semana de abril. “E o nosso compromisso no Crea-MA é simplificar ainda mais a tabela, por título profissional, até maio deste ano ”, afirma o presidente.

Os Creas estão desativando as tabelas específicas de cada Estado, e o profissional no Maranhão também terá de descrever os serviços contratados a partir dos códigos desta nova tabela. “Este é um passo importante para a implantação do Livro de Ordem”, finalizou o presidente.

Clique aqui para acessar a tabela TOS  do Confea

 

PASSO A PASSOA Tabela TOS está dividida em quatro colunas: Grupo, Subgrupo, Obras e Serviços e Complemento. Para preencher a ART no sistema, deve-se ir ao campo Atividades Contratadas, e, após selecionar Nível da Atividade e Atividade Profissional, deve-se clicar em Consultar lista de atividades.

Na coluna Grupo, deve-se localizar a grande área correspondente ao serviço, como, por exemplo: “Construção Civil”. Depois, buscar o o subgrupo correspondente, como, por exemplo, “Edificações de imóveis”. E, por fim, o tipo de obra ou serviço, como, por exemplo, “Alvenaria”.

Se precisar de algum detalhamento, pode-se usar o campo “Observações”, localizado no início da ART, abaixo do campo descrito “Finalidade”.

Outras informações, pelos contatos via WhatsApp/ mensagem de texto, pelos números:

(98) 2106-8321/ 2106- 8322

 

 

 

Atendimento no Crea-MA será remoto até dia 14 de março

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Maranhão (Crea-MA) segue o Decreto Estadual nº. 36.531 de 03 de março de 2021, o qual suspendeu diversos serviços e atividades no período de 05 a 14 de março, e suspende suas atividades presenciais até o próximo dia 14. As medidas são em face do reconhecimento da crescente onda de transmissão da COVID-19.

Setores, Departamentos e Inspetorias do Crea-MA funcionarão remotamente, das 8h às 14h, e os chefes de cada Setor/Departamento/Inspetoria deverão permanecer presencialmente, com funcionários determinados por estes.

As atividades relacionadas a cada setor/Departamento e Inspetoria poderão ser realizadas presencialmente, quando verificada a impossibilidade de sua execução remota, cabendo ao chefe imediato a convocação de servidores, por qualquer meio disponível.

As solicitações devem ser realizadas por meio de nossos canais de comunicação, como o portal creama.org.br, e via mensagem de texto por WhatsApp, de 8h às 14h, pelos números (98) 2106- 8321 e 2106-8322.

Clique aqui para acessar a PORTARIA N° 59/2021 – PRESI-CREA/MA

 

Ação do Crea-MA insere agrônomos em edital Seduc

A Câmara Especializada de Agronomia do Crea-MA atendeu à solicitação dos profissionais para alterar o edital 06\2021 da Secretaria de Estado da Educação (Seduc) do Processo Seletivo para contratação de professores para atuarem no Ensino Médio e inserir os engenheiros agrônomos bacharelados que não estavam contemplados no edital. O novo edital foi publicado hoje, 4, de acordo com a reivindicação do Crea-MA.

De acordo com o ofício do Crea-MA, o edital “excluiu indevidamente a candidatura de engenheiros agrônomos (formação bacharelado em agronomia) aos cargos de Professor da Educação Profissional da Agricultura Geral, Professor da Educação Profissional de Culturas Agrícolas, Professor da Educação Profissional de Técnico Agrícola e Professor da Educação Profissional da Agronomia”.

Foi uma vitória em conjunto entre Câmara,  Assessoria Técnica, Assessoria Jurídica e a Superintendência de Fiscalização do Crea do Maranhão”, comemorou a coordenadora da Especializada de Agronomia, engª. agr.  Leida Souza.

O Seletivo Simplificado tem como objeto a contratação temporária de professores para atuarem no Ensino Médio nas modalidades Educação do Campo e Educação Escolar Quilombola, na Seduc-MA. São oferecidas 500 vagas e formação de Cadastro de Reserva até o limite de três vezes o número de vagas ofertadas, conforme especificações constantes no edital para suprimento de carências nas zonas urbanas e rurais do Sistema Público de Ensino Estadual.

Clique aqui para acessar o edital alterado